Quarta-feira XXVII do Tempo Comum

Evangelho Lc. 11, 1-4

Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São Lucas


Naquele tempo, estava Jesus em oração em certo lugar. Quando acabou, disse-Lhe um dos seus discípulos: «Senhor, ensina-nos a orar, como João também ensinou os seus discípulos.» Disse-lhes Ele: «Quando orardes, dizei: Pai, santificado seja o teu nome; venha o teu Reino; dá-nos o nosso pão de cada dia; perdoa os nossos pecados, pois também nós perdoamos a todo aquele que nos ofende; e não nos deixes cair em tentação.»

Palavra da salvação.


Lectio

Os discípulos viam Jesus a rezar frequentemente e não sabiam como o fazer para seguir o Seu exemplo. Por isso, pedem-Lhe que os ensine. Jesus ensina os discípulos e a nós próprios a rezar a Deus, chamando-lhe nosso Pai e, assim, ensina a Igreja a rezar a oração que continua a ser a mais importante de todo o cristianismo: o Pai Nosso. Nesta oração, estruturada em duas partes, o homem, na primeira, louva o Pai que está no Céu e, na segunda, evoca-O para que o ajude no seu dia-a-dia.

Meditatio

Tu rezas todos os dias ao Pai como o Filho nos ensinou?

Oratio

Chegou a altura de conversares com Deus, abre-lhe o coração e fala abertamente com ele sobre aquilo que meditaste antes.

Contemplatio

Quando quiseres, termina este tempo de oração a partir da Sagrada Escritura, comprometendo-te a rezar todos os dias a Deus um Pai Nosso.

Marcações: Lect'Yo

Imprimir Email

Cristo Jovem - Pastoral Juvenil, comunicação e evangelização

Juventude que acredita!
Segue-nos em

LECT'YO